Edição 202 - A Importância da Utilização de um Software para Avaliação dos Dados de Controle da Qualidade no Laboratório Clínico

Carara, L. E. B.    

Schmitz, V.

Bez, M. R.            

Tavares, R. G.

 

Resumo

Introdução: um sistema de informação é de grande valia para a gestão da qualidade no laboratório clínico, permitindo a aquisição de resultados dentro da qualidade exigida. Objetivo: acompanhar a utilização de um software, avaliando seus benefícios e a aceitação por seus usuários, bem como avaliar, por meio do uso do software, o desempenho analítico de alguns testes laboratoriais. Material e método: a aceitabilidade da utilização do software pelos usuários foi avaliada por  questionário semiestruturado, com questões abertas e fechadas. Também se avaliou os dados de controle obtidos pelo laboratório, observando-se os valores de Média (XM), Desvio padrão (DP), Coeficiente de variação (CV%), Bias e Erro Total (ET%) para os analitos de maior demanda tanto para o método manual quanto para a automação. Resultados: a aceitabilidade do software foi de 100%. Os analitos colesterol, creatinina e ácido úrico obtiveram imprecisão inaceitável para o método manual. No método automatizado, todos os analitos em estudo, exceto o colesterol, apresentaram valores dentro do máximo especificado para desempenho desejável e ótimo. Discussão: foi observado que ao utilizar os dados próprios obtidos para cada método pode-se ter uma maior detecção de erros. Notou-se também a necessidade de avaliação e monitoramento do desempenho do método utilizado, bem como a realização de ações preventivas e corretivas. Conclusão: com base neste estudo, pode-se observar que a utilização de um programa informatizado para análise dos valores de controle é de extrema relevância, sendo que o mesmo também contribui para avaliar e monitorar o desempenho analítico dos testes executados na rotina laboratorial. 

Palavras-Chave: Software, Controle Interno da Qualidade, Coeficiente de Variação, Imprecisão, Bias, Erro Total.

 

Summary

Background: an information system is of great value to quality management in the clinical laboratory, allowing the acquisition of results within the required quality. Objective: to monitor the use of software, evaluating the benefits and acceptance by its users, and assess, through the use of software, the analytical performance of some laboratory tests. Material and method: the acceptability of the use of software by users was assessed by a semi-structured questionnaire with open and closed questions. Also, we evaluated the control data obtained by the laboratory, observing the values of Mean (XM), standard deviation (SD), coefficient of variation (CV%), Bias and Total Error (TE%) for most analytes demand for both the manual method as for automation. Results: the acceptability of the software was 100%. Analytes cholesterol, creatinine and uric acid obtained imprecision unacceptable to the manual method. In the automated method all analytes studied, except cholesterol showed values within the maximum specified for desired performance and great. Discussion: it was observed that when using own data obtained for each method can have a higher error detection. Also there is the need to evaluate and monitor the performance of the method used and the implementation of preventive and corrective actions. Conclusion: based on this study can be seen that the use of a computer program for analysis of the control values is extremely important, and it also helps to evaluate and monitor the performance of analytical tests performed on laboratory routine.

Key Words: Software, Internal Quality Control, The Coefficient of Variation, Precision, Bias, Total Error.

 

Endereço para Correspondência

Profª dra. Rejane Giacomelli Tavares

e-mail: tavares.rejane@gmail.com

 

(Veja esse artigo na íntegra na revista LAES&HAES)