Edição 199- Estudo Talassêmico em Descendentes Europeus Participantes do Grupo de Idosos do Bairro São Jorge, Residentes no Município de São Miguel do Oeste, Santa Catarina

 Folmer, T.

Bueno-Filho, A. C.

Naoum, P. C.

Schluchting, W. R.

 

Resumo

A talassemia constitui um grupo de anomalias congênitas que resultam em prejuízo para a síntese de uma cadeia polipeptídica da globina, implicando em eritrócitos microcíticos e hipocrômicos com morfologia alterada. Existem dois tipos de cadeias que compõem as subunidades proteicas das moléculas de hemoglobina, a cadeia alfa e a cadeia beta que são reguladas pelo controle genético. O objetivo deste trabalho foi avaliar a prevalência de traço talassêmico. Para isso, foram analisadas 50 amostras de sangue periférico, após consentimento informado, coletadas de indivíduos que participam de um Grupo de Idosos de São Miguel do Oeste/SC. Para o diagnóstico da talassemia, foi realizada a análise de hemoglobina, bem como o procedimento eletroforético em acetato de celulose em pH neutro e posteriormente a análise da morfologia eritrocitária. A prevalência desta anemia hereditária foi observada em 34% dos indivíduos analisados, sendo que se encontrou apenas Talassemia Alfa Minor nestas amostras. Nenhum caso de homozigose foi encontrado no presente estudo. Esta pesquisa demonstra que há necessidade de melhor avaliação do perfil hematológico de talassemia alfa na região Sul do Brasil, considerando-se a grande miscigenação.

Palavras-Chave: Anemia Hereditária, Hemoglobinopatia, Talassemia, Hemoglobinas Variantes, Índices Eritrocitários.

 

Summary

The thalassemia constitutes a congenital anomaly group that result a loss to the polipedict globine cage, implicating into erythrocytic microcitic and hipocromic with an altered morphology. There are two kinds of cages that compose the hemoglobins molecules proteics subunits, the cage called Alpha and the cage called Beta that are regulated by the genetic control. The objective of this work was evaluate the trace thalassemies. For this, the casuistic was composed for 50 peripheral blood samples, after informed consent, collected of individuals that participate in an Old Group, in São Miguel do Oeste/SC. For the thalassemies diagnosis was realized an hemoglobin and morphology analysis, and after this, the procedure eletroforetic in cellulose acetate in neutral pH. The prevalence of this hereditary anemia was observed in 34% of the analyzed people, where found on this sample just the Alpha Minor thalassemia. None homozigose case was found on this study. This research shows there is a necessity to a best evaluation of the hematological Alpha thalassemies profile in the South area of Brazil, considering the big people’s miscegenation.

Key Words:  Hereditary Anemia, Hemoglobinopathy, Thalassemia, Variant Hemoglobins, Red Blood Cells.

 

Endereço para correspondência:

Profº William Roberto Schluchting

e-mail: william_biomed@yahoo.com.br

 

(Veja esse artigo na íntegra na revista LAES&HAES)