Edição 234 - Soroprevalência de HIV-I/II em pacientes oriundos do laboratório de análises clínicas da PUC Goiás

Silva, Dulcinéia Pereira de Faria
Santos, Isteuria Cristina Paula
Cardoso, Alessandra Marques

RESUMO

A Síndrome da Imunodeficiência Humana, causada pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV), é uma doença de caráter pandêmico, considerada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) um grave problema de saúde pública. A AIDS/HIV debilita o sistema imune do indivíduo, podendo levá-lo a óbito, caso não receba diagnóstico e tratamento adequados. Este trabalho teve como objetivo verificar a soroprevalência de HIV-I/II nos pacientes atendidos pelo Laboratório de Análises Clínicas da PUC Goiás (LAC/PUC-GO). Após autorização do Comitê de Ética e Pesquisa da PUC-Goiás, foi realizado um estudo analítico observacional e retrospectivo, por meio de coleta de dados nos prontuários dos pacientes atendidos no referido laboratório entre janeiro/2015e abril/2017. Foram consultados os resultados de 2.798 exames sorológicos para HIV-I/II, obtendo-se 29 (1,0%) resultados reagentes. Observou-se prevalência de sorologia reagente para HIV-I/II no sexo masculino (69,0%), sendo a faixa etária mais acometida aquela compreendida entre 21 e 40 anos (62,1%). Conclui-se que a população de adultos jovens, sobretudo do sexo masculino, foi mais prevalente entre os casos de sorologia reagente para HIV-I/II diagnosticados no LAC/PUC-GO.

Palavras-chave: HIV-I/II, Síndrome da Imunodeficiência Humana, Soroprevalência.

SUMMARY

The Human Immunodeficiency Syndrome, caused by the human immunodeficiency virus (HIV), is a pandemic disease considered by the World Health Organization (WHO) as a serious public health problem. AIDS/HIV weakens the imune system of the individual and can lead to death if not properly diagnosed and treated. This study aimed to verify the HIV-I/II seroprevalence in the population by the Laboratory of Clinical Analyzes of PUC Goiás (LAC/PUC-GO). After an authorization from the Ethics and Research Committee of PUC-Goiás, an observationaland retrospective analytical study was carried out through the collection of data in the medical records of the patients attended in the laboratory, between january/2015 and april/2017. The results of 2,798 serological tests for HIV-I/II were consulted, 29 (1.0%) of which were reagents. The prevalence of HIV-I/II reactive serology in males (69.0%) was observed with the age group being most affected between 21 and 40 years (62.1%). We concluded that the population of young adults, especially males, was more prevalent among the reactive serological tests for HIV-I/II diagnosed in the LAC/PUC-GO.

Keywords: HIV-I/II. Human Immunodeficiency Syndrome. Seroprevalence

Contato:
Alessandra Marques Cardoso
e-mail: alemarquespuc@gmail.com