Edição 218 - Os Valores Críticos em Medicina Laboratorial

Higgins, C.

 

Resumo

Apesar de inúmeros laboratórios ao redor do mundo adotarem o conceito de valores críticos desde os anos 1980, a prática nesta área tem sido inconsistente e, geralmente, com mais falta de rigor. Além de uma lista de valores críticos, muitas vezes sem pensar muito ou justificar, muitos (talvez a maioria) dos laboratórios clínicos deram pouca atenção ao detalhe da política de valor crítico, até uma década atrás. Isso mudou drasticamente com a insistência das autoridades reguladoras que se oportuna por meio de relatórios com valor crítico que é essencial para a segurança do paciente e um componente importante da qualidade geral do laboratório de análises clínicas. Refinar a lista de teste crítico e melhorar o processo de relatar um valor crítico são desafios intelectuais e logísticos que dependem crucialmente do esforço e cooperação contínua do laboratório e pessoal clínico, além do uso criativo da tecnologia.  

Palavras-Chave: Valores Críticos, Medicina Laboratorial, Limites de Atuação.

 

Summary

Although laboratories around the world have embraced the concept of critical values since the 1980s, practice in this area has until recently been inconsistent and generally lacking in rigor. Apart from a list of critical values prepared often without much thought or justification, many (perhaps most) clinical laboratories paid little attention to the detail of critical-value policy until a decade ago. This has changed dramatically with insistence of regulatory authorities that timely critical-value reporting is essential for patient safety and an important component of the overall quality of the clinical laboratory. Refining the critical-test list and improving the process of critical-value reporting are intellectual and logistical challenges that depend crucially on the continuous cooperative effort of laboratory and clinical staff, and imaginative use of technology.

Key Words: Critical Values, Laboratory Medicine, Performance Limits.

 

Endereço para correspondência

Biodina Brasil

e-mail: sac@biodina.com.br

www.radiometer.com | www.biodina.com.br

 

(Veja esse artigo na íntegra na revista LAES&HAES)