Edição 203 - Incidência de Hiper e Hipotireoidismo em Mulheres com Idade Superior a 20 anos, por meio de Exames Realizados em um Laboratório de Apoio na Cidade de Criciúma/SC

 Búrigo, R. G.

Ávila Jr., S.

 

Resumo

Hipertireoidismo e hipotireoidismo são disfunções da glândula tireoide que acometem grande parte da população, principalmente mulheres. O hipertireoidismo é caracterizado como um aumento dos níveis séricos dos hormônios da tireoide (T3 e T4). Ao contrário, o hipotireoidismo cursa com diminuição dos níveis séricos de T3 e T4. Foram avaliados 2.400 laudos de mulheres acima de 20 anos de idade que realizaram os exames de TSH e T4 livre (T4L) em um laboratório de apoio, durante dois anos. Foi encontrada a prevalência de 15,08% de hipertireoidismo e 8% de hipotireoidismo. A maior quantidade de casos por faixa etária de hipertireoidismo foi obtida em 2007, na faixa etária entre 41 e 50 anos, com 59 casos. A maior quantidade de hipertireoidismo foi obtida na faixa etária de 51 a 60 anos, com 94 casos. Já em relação ao hipotireoidismo, foram verificados 51 casos nas faixas etárias de 41 a 50 e 51 a 60 anos.

Palavras-Chave: Hipertireoidismo, Hipotireoidismo, TSH, T4L.

 

Summary

Hyperthyroidism and hypothyroidism are thyroid disorders that affect a large part of the population, especially women. Hyperthyroidism is characterized as an increase in serum levels of thyroid hormones (T3 and T4). In contrast, hypothyroidism culminates with decreased serum levels of T3 and T4. We evaluated 2400 reports of women over age 20 who underwent examinations of TSH and free T4 (FT4) in a support laboratory for two years. Revealed a prevalence of 15.08% of hyperthyroidism and hypothyroidism 8%. The largest number of cases by age of hyperthyroidism was obtained in 2007, aged between 41 and 50 years, with 59 cases. The largest amount of hyperthyroidism was obtained at ages 51 to 60 years, with 94 cases. In relation to hypothyroidism was found 51 cases in the age groups 41-50 and 51-60 years.

Key Words: Hyperthyroidism, Hypothyroidism, TSH, FT4.

 

Endereço para Correspondência:

Renan Grijó Búrigo: e-mail: rburigo@gmail.com

Prof. Sílvio Ávila Jr.: e-mail: saj@unesc.net

 

(Veja esse artigo na íntegra na revista LAES&HAES)