CBDL

 

LAES&HAES - Edição 235 - outubro| novembro 2018

 

 

CBDL - Informações & Novidades

 

Deltan Dallagnol e Roberto Livianu foram aplaudidos de pé durante fórum no 52º CBPC/ML

Carlos Eduardo Gouvêa, presidente do Instituto Ética Saúde (IES) e da CBDL falou sobre os avanços no combate à corrupção no segmento saúde

 

O procurador da República e coordenador da Operação Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol, participou do último debate do 52º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica e Medicina Laboratorial (CBPC/ML), realizado em 28 de setembro, no Centro Sul, em Florianópolis, Santa Catarina. Dallagnol apresentou números da corrupção: 415 políticos e 26 partidos envolvidos em propinas. Segundo o procurador, um dos desafios da Operação Lava Jato é combater o sofrimento das pessoas, pois toda verba desviada seria destinada a áreas como saúde pública, saneamento básico, segurança e educação. Para ele, a Lava Jato faz o “diagnóstico”, mas o “tratamento” costuma não vir.


Contato:

Tel.: (11) 5094.0132

cbdl@cbdl.org.br

www.cbdl.com.br

 

(Veja esse artigo na íntegra na revista LAES&HAES)